Estratégia

De MinesweeperWiki

(Diferença entre revisões)
Revisão de 19:54, 6 Janeiro 2013 (editar)
Dayan Marchezi (Discussão | contribs)
(New page: Estratégia no Campo Minado é a arte de resolver jogos. As técnicas incluem o aprendizado de padrões e de onde clicar primeiro, utilizando táticas de suposição ou chute e desenvolven...)
← Ver a alteração anterior
Revisão de 20:51, 8 Janeiro 2013 (editar) (undo)
Dayan Marchezi (Discussão | contribs)

Ver a alteração posterior →
Linha 1: Linha 1:
-Estratégia no Campo Minado é a arte de resolver jogos. As técnicas incluem o aprendizado de padrões e de onde clicar primeiro, utilizando táticas de suposição ou chute e desenvolvendo eficiência na clicagem e no movimento do rato.+Estratégia no Campo Minado é a arte de resolver jogos. As técnicas incluem o aprendizado de padrões e de onde clicar primeiro, utilizando táticas para arriscar (chutar, no Brasil) e desenvolvendo eficiência na clicagem e no movimento do rato.
==Padrões== ==Padrões==
Linha 7: Linha 7:
<gallery> <gallery>
-image:Pattern1.PNG|Numa extremidade, o 1 toca apenas 1 quadrado, que é então uma mina.+image:Pattern1.PNG|Numa extremidade, o 1 toca apenas 1 quadrado, que está então minado.
image:Pattern2.PNG|O número 2 toca 2 quadrados; portanto, ambos são minas. image:Pattern2.PNG|O número 2 toca 2 quadrados; portanto, ambos são minas.
image:Pattern3.PNG|O número 3 toca 3 quadrados; portanto, todos são minas. image:Pattern3.PNG|O número 3 toca 3 quadrados; portanto, todos são minas.
Linha 17: Linha 17:
</gallery> <br> </gallery> <br>
-Há dois padrões básicos que se combinam para formar todos os outros padrões. O primeiro é 1-1 e o segundo é 1-2. Quando há um padrão 1-1 partindo da parede (ou onde um quadrado aberto funciona como uma parede), o terceiro quadrado da sequência está livre. Isso se explica pelo fato de que o primeiro 1 toca dois quadrados, os quais devem conter a mina, enquanto o segundo 1 toca também o terceiro quadrado, que deve, portanto, estar livre. Já no padrão 1-2, o terceiro quadrado da sequência é sempre uma mina, pois o primeiro 1 toca dois quadrados, que devem conter a mina, enquanto o 2 toca também o terceiro quadrado, que deve então conter a segunda mina. A seguir estão alguns exemplos:+Há dois padrões básicos que se combinam para formar todos os outros padrões. O primeiro é 1-1 e o segundo é 1-2. Quando há um padrão 1-1 partindo da borda (ou onde um quadrado aberto funciona como uma borda), o terceiro quadrado da sequência está livre. Isso se explica pelo fato de que o primeiro 1 toca dois quadrados, os quais devem conter a mina, enquanto o segundo 1 toca também o terceiro quadrado, que deve, portanto, estar livre. Já no padrão 1-2, o terceiro quadrado da sequência é sempre uma mina, pois o primeiro 1 toca dois quadrados, que devem conter a mina, enquanto o 2 toca também o terceiro quadrado, que deve então conter a segunda mina. A seguir estão alguns exemplos:
<gallery> <gallery>
image:Pattern11a.png|Há 1 mina nos dois primeiros quadrados e 1 mina nos três primeiros quadrados. O terceiro quadrado deve estar vazio. image:Pattern11a.png|Há 1 mina nos dois primeiros quadrados e 1 mina nos três primeiros quadrados. O terceiro quadrado deve estar vazio.
-image:Pattern12a.png|Há 1 mina nos dois primeiros quadrados e 2 minas nos três primeiros quadrados. O terceiro quadrado deve ser uma mina.+image:Pattern12a.png|Há 1 mina nos dois primeiros quadrados e 2 minas nos três primeiros quadrados. O terceiro quadrado deve estar minado.
image:Pattern11b.png|Um padrão 1-1 começando de um quadrado aberto. image:Pattern11b.png|Um padrão 1-1 começando de um quadrado aberto.
image:Pattern12b.png|Uma versão mais complicada do padrão 1-2. image:Pattern12b.png|Uma versão mais complicada do padrão 1-2.
Linha 50: Linha 50:
image:PatternReduce12121.PNG|13231 reduz-se a 12121 image:PatternReduce12121.PNG|13231 reduz-se a 12121
image:PatternReduce122121.PNG|Reduz-se a 122121 image:PatternReduce122121.PNG|Reduz-se a 122121
 +</gallery>
 +
 +==Arriscando==
 +
 +Às vezes no Campo Minado é preciso arriscar (chutar, no Brasil). Um caso típico é uma situação de 50/50 em que uma mina está escondida em dois quadrados. Deve-se arriscar rapidamente e seguir em frente. Pensar não aumenta a chance de arriscar no quadrado certo, mas apenas desperdiça tempo. Esperar para ver se a arriscada deu certo também é desperdício de tempo; portanto, o jogador deve assumir que sobreviveu e continuar jogando. Não é aconselhável prorrogar riscos forçados (inevitáveis) - resolver primeiro o restante do tabuleiro é uma perda de tempo se o jogador acaba atingindo a mina ao arriscar.
 +
 +Muitos jogadores são impacientes e arriscam em vez de resolver normalmente. Não se deve arriscar salvo necessário. A maneira mais fácil de resolver o 'Exemplo A' é clicar nos quadrados inexplorados em sequência; porém, se o jogador clicar rápido, não há tempo de reagir, e ele explodirá se o quadrado do meio for uma mina. Isso seria um risco sem razão! Um jogador inteligente clicaria nos quadrados mais externos primeiro, o que concede tempo suficiente para reagir ao primeiro clique e decidir se há uma mina.
 +
 +Abrir quadrados livres é tão importante quanto achar minas. Quando for possível provar que um quadrado é seguro, é melhor abri-lo do que tentar adivinhar onde a mina está. No 'Exemplo B' há uma mina nos dois quadrados amarelos. Pode-se, em vez de chutar, abrir o terceiro quadrado, que está livre. Isso permite abrir ainda mais quadrados (marcados de azul), que podem ajudar a resolver o chute inicial.
 +
 +Se for necessário arriscar e houver mais quadrados livres do que minas envolvidas, é sempre melhor tentar acertar um quadrado livre do que tentar adivinhar onde está minado. Flaggers (jogadores que usam bandeiras) frequentemente cometem o erro de tentar adivinhar a mina, pois adoram dar cliques duplos.
 +
 +Às vezes é possível aumentar a chance de acertar uma arriscada. Pode haver um arranjo de números com mais de uma solução, e as soluções requerem quantidades diferentes de minas. Em vez de arriscar, o jogador pode resolver esse caso marcando o resto do tabuleiro e vendo quantas minas faltam. O 'exemplo D' pode ser resolvido se 1 ou 3 minas estão faltando, mas é preciso arriscar se houver 2 minas restantes. Se o jogador decidir poupar tempo e arriscar imediatamente, aconselha-se pensar na densidade de minas do nível que está sendo jogado. Por exemplo, a solução com mais minas é mais provável no Especialista do que no Intermediário. Tenha em mente, porém, que a densidade de cada nível é bastante baixa, de modo que soluções menos densas sejam mais comuns no geral.
 +
 +<gallery>
 +image:Guessing2.png|Exemplo A: Não assuma riscos desnecessários. Abra os dois quadrados mais externos primeiro. Enquanto o clique no terceiro quadrado é executado, pode-se olhar o resultado do primeiro quadrado.
 +image:GuessingProbing.png|Exemplo B: Abra um quadrado livre em vez de arriscar. Neste caso, isso também permite abrir os quadrados azuis.
 +image:GuessingOpen.png|Exemplo C: Não é possível achar minas sem arriscar, mas pode-se abrir os quadrados azuis. Se um deles for um número 1, ele permite abrir os quadrados laranjas adjecentes e assim por diante, até talvez resolver todo o tabuleiro.
 +image:Guessing1.jpg|Exemplo D: Há 1, 2 ou 3 minas na quina? Descubra antes de arriscar.
</gallery> </gallery>

Revisão de 20:51, 8 Janeiro 2013

Estratégia no Campo Minado é a arte de resolver jogos. As técnicas incluem o aprendizado de padrões e de onde clicar primeiro, utilizando táticas para arriscar (chutar, no Brasil) e desenvolvendo eficiência na clicagem e no movimento do rato.

Padrões

Um padrão é um arranjo comum de números que apresenta somente uma solução. Se o padrão for memorizado, ele reduzirá a quantidade de tempo que o jogador despende pensando.

Antes de começar a aprender padrões, um jogador deve aprender princípios. Se um número estiver tocando o mesmo número de quadrados, então todos esses quadrados são minas. Maioria dos jogos no nível Principiante podem ser resolvidos desse modo. Alguns exemplos são mostrados a seguir:


Há dois padrões básicos que se combinam para formar todos os outros padrões. O primeiro é 1-1 e o segundo é 1-2. Quando há um padrão 1-1 partindo da borda (ou onde um quadrado aberto funciona como uma borda), o terceiro quadrado da sequência está livre. Isso se explica pelo fato de que o primeiro 1 toca dois quadrados, os quais devem conter a mina, enquanto o segundo 1 toca também o terceiro quadrado, que deve, portanto, estar livre. Já no padrão 1-2, o terceiro quadrado da sequência é sempre uma mina, pois o primeiro 1 toca dois quadrados, que devem conter a mina, enquanto o 2 toca também o terceiro quadrado, que deve então conter a segunda mina. A seguir estão alguns exemplos:


Os dois padrões mais famosos são 1-2-1 e 1-2-2-1. Estes são tão comuns que jogadores novos devem memorizá-los imediatamente. Olhando com atenção, eles são apenas combinações do padrão 1-2.


A princípio parece haver muitos padrões. Na verdade, ao serem estudados, eles são apenas padrões 1-2-1 e 1-2-2-1 (ou combinações desses padrões). Estes, por sua vez, são variações dos padrões básicos 1-1 e 1-2. Cada grupo de números é reduzido quando se subtraem minas já conhecidas. A seguir são mostrados alguns exemplos finais:

Arriscando

Às vezes no Campo Minado é preciso arriscar (chutar, no Brasil). Um caso típico é uma situação de 50/50 em que uma mina está escondida em dois quadrados. Deve-se arriscar rapidamente e seguir em frente. Pensar não aumenta a chance de arriscar no quadrado certo, mas apenas desperdiça tempo. Esperar para ver se a arriscada deu certo também é desperdício de tempo; portanto, o jogador deve assumir que sobreviveu e continuar jogando. Não é aconselhável prorrogar riscos forçados (inevitáveis) - resolver primeiro o restante do tabuleiro é uma perda de tempo se o jogador acaba atingindo a mina ao arriscar.

Muitos jogadores são impacientes e arriscam em vez de resolver normalmente. Não se deve arriscar salvo necessário. A maneira mais fácil de resolver o 'Exemplo A' é clicar nos quadrados inexplorados em sequência; porém, se o jogador clicar rápido, não há tempo de reagir, e ele explodirá se o quadrado do meio for uma mina. Isso seria um risco sem razão! Um jogador inteligente clicaria nos quadrados mais externos primeiro, o que concede tempo suficiente para reagir ao primeiro clique e decidir se há uma mina.

Abrir quadrados livres é tão importante quanto achar minas. Quando for possível provar que um quadrado é seguro, é melhor abri-lo do que tentar adivinhar onde a mina está. No 'Exemplo B' há uma mina nos dois quadrados amarelos. Pode-se, em vez de chutar, abrir o terceiro quadrado, que está livre. Isso permite abrir ainda mais quadrados (marcados de azul), que podem ajudar a resolver o chute inicial.

Se for necessário arriscar e houver mais quadrados livres do que minas envolvidas, é sempre melhor tentar acertar um quadrado livre do que tentar adivinhar onde está minado. Flaggers (jogadores que usam bandeiras) frequentemente cometem o erro de tentar adivinhar a mina, pois adoram dar cliques duplos.

Às vezes é possível aumentar a chance de acertar uma arriscada. Pode haver um arranjo de números com mais de uma solução, e as soluções requerem quantidades diferentes de minas. Em vez de arriscar, o jogador pode resolver esse caso marcando o resto do tabuleiro e vendo quantas minas faltam. O 'exemplo D' pode ser resolvido se 1 ou 3 minas estão faltando, mas é preciso arriscar se houver 2 minas restantes. Se o jogador decidir poupar tempo e arriscar imediatamente, aconselha-se pensar na densidade de minas do nível que está sendo jogado. Por exemplo, a solução com mais minas é mais provável no Especialista do que no Intermediário. Tenha em mente, porém, que a densidade de cada nível é bastante baixa, de modo que soluções menos densas sejam mais comuns no geral.

Vistas
Ferramentas pessoais